Ensino de Mandarim em Espinho alargado ao 5ºano
Ensino Mandarim

Ensino de Mandarim em Espinho alargado ao 5ºano

O ensino de Mandarim nas escolas do 1º ciclo da rede pública do concelho de Espinho vai ser alargado, já a partir do próximo ano letivo, como oferta complementar ao 5º ano de escolaridade.
A Câmara Municipal de Espinho, dado o sucesso do projeto e tendo em consideração que o ensino do Mandarim e a divulgação da cultura e da história chinesas são um projeto pedagógico e estratégico para as escolas e para as crianças do concelho, decidiu alargar a oferta complementar ao 5.ºano de escolaridade.

Esta possibilidade vai estar aberta a todos os alunos que frequentam as escolas da rede pública do concelho e visa promover a aprendizagem de uma das línguas mais faladas à escala mundial.

A inscrição neste programa tem caráter facultativo e, caso os encarregados de educação pretendam esta oferta complementar para o seu educando, deverão efetuar o pedido nos respetivos agrupamentos de escolas.

O Projeto "Ensino de Chinês no ensino básico" resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Espinho, a Universidade de Aveiro e os agrupamentos de escolas (AE) do concelho.

Para mais informações e esclarecimentos deverá contactar os serviços administrativos da escola em que o aluno está colocado.